Diretor de Criação do Twenty One Pilots

Minha estratégia de disco rígido durante o tour

Mark C. Eshleman, diretor de criação e videografista do Twenty One Pilots, tem documentado e viajado com a banda de Columbus, Ohio, praticamente desde sua formação em 2009.

Eshleman, que é também o fundador da empresa de produção de vídeos Reel Bear Media, captura enormes quantidades de vídeo — tipicamente 8 a 10 terabytes de dados  —  durante os tours da banda através dos EUA, Canadá, Europa e Ásia.

Filmando a banda

Durante os tours, Eshleman é uma sombra. Ele pode estar filmando entrevistas com fãs fora dos locais de shows, capturando as impressões de Joseph e Dun enquanto se preparam para um show ou gravando os concertos. Se ele não estiver filmando, está editando a metragem para que possa rapidamente preparar os vídeos e postá-los no Youtube para a crescente legião de fãs da banda. Esse processo pode ocorrer na sala do ônibus  —  “basicamente um sofá que está se movendo a 90 km/h”  —  em aeroportos, em aviões ou em uma mesa dobrável quando chegam ao local do show.

"Stressed Out"

Mark era regularmente atormentado por um “pesadelo maluco estranho na época”  —  cinco ou seus anos atrás  — quando a dupla de hip hop alternativo estava apenas começando.

“Eu via o disco rígido estilhaçado no chão porque eu tinha pegado o caminho errado e ele caía e eu não conseguia pegar”, lembra Eshleman.

Os sonhos aparentemente eram chamados de seu subconsciente pelo fato de que ele literalmente dormia com seus discos rígidos, porque tinha medo de que eles fossem danificados no bagageiro do ônibus da banda.

Solução de armazenamento WD de Eshelman

Eshleman está dormindo melhor ultimamente, parcialmente devido à crescente popularidade do Twenty One Pilots  — também conhecidos como Tyler Joseph e Josh Dun  —  mas também porque ele agora tem seus vídeos salvos em armazenamento e unidades de backup Western Digital que ele confia que podem resistir aos rigores da estrada.

Com as soluções WD solutions, Eshleman não está mais estressado com a possibilidade perder metragens de vídeo insubstituíveis. “A maneira mais fácil de não se preocupar com alguma coisa é fazê-la de forma que você não precise se preocupar com ela”, diz ele.

Estratégia de backup de Mark

My Book Pro WD Red NAS Hard Drive

Estratégia de discos rígidos WD no tour de Eshelman

Com a sabedoria de seus seis anos na estrada e uma gama de produtos de armazenamento WD à sua disposição, Eshleman desenvolveu um sistema de três níveis que permite que ele trabalhe praticamente em qualquer lugar e acrescente simultaneamente camadas de proteção enquanto faz isso:

  • se ele tiver um local robusto, digamos uma mesa e uma tomada elétrica, ele abre seu My Book Pro e carrega os dados das unidades My Passport Pro. O vídeo é armazenado nas unidades internas WD Black  — cada uma delas capaz de armazenar mais de 5 terabytes de dados  — em “uma estrutura de pastas realmente precisa” que permite o acesso rápido a um momento preciso de praticamente qualquer um dos shows da banda.
  • Se tiver o luxo de uma conexão com a internet e um pouco de tempo, ele pode enviar tudo o que está no My Book Pro para um servidor que contém 12 unidades internas WD Red de 6 terabytes em seu escritório em Ohio.
  • Se estiver em deslocamento, ele confia nos My Passports que leva em uma mochila para armazenar a filmagem à medida que grava.

A compatibilidade do Thunderbolt com os dispositivos WD torna todo o processo mais rápido e mais fácil. Ele arrasta e solta arquivos de uma unidade para outra com velocidades de transferência consideravelmente maiores.

“Se você quiser pegar um arquivo de 2 gigabytes e simplesmente lançá-lo em outra unidade, isso é feito em segundos”, diz Eshleman.

O objetivo desse arranjo à prova de falhas é não apenas livrá-lo dos pesadelos, mas também permitir que ele se concentre nas partes criativas e divertidas de seu trabalho. Isso, por sua vez, permite que ele produza mais do tipo de vídeos musicais que ajudaram a ele - e ao Twenty One Pilots - a ganhar considerável repercussão.

A confiança que ele tem em seu sistema e seu equipamento, e o fato de que ele está agregando videografistas adicionais à equipe para o próximo tour de 40 shows Emotional Roadshow, que será encerrada com shows sem intervalos no Madison Square Garden em Nova York, pode permitir até mesmo que ele tenha um raro momento para apreciar a distância que eles percorreram desde Columbus.